Movimentando 165
NÚMERO 165-MARÇO 2020

Matéria 06 de 08

FÓRUM DE SECRETÁRIOS - I

Fórum Paulista divulga Carta de São José dos Campos, renovando compromisso com a Paz no Trânsito e a redução do número de vítimas. O Instituto MDT apoia e aplaude o documento

Nos dias 5 e 6 de março de 2020, a cidade paulista de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, recebeu a 73ª Reunião do Fórum Paulista de Secretários e Dirigentes Públicos de Mobilidade Urbana, entidade presidida pelo secretário de Mobilidade de Hortolândia/SP e membro do Conselho Fiscal do Instituto MDT, Atílio André Pereira. Ao todo, 457 pessoas participaram do evento; estiveram representados 46 municípios, quatro dos quais de fora do Estado de São Paulo. Fórum Paulista divulga Carta de São José dos Campos, renovando compromisso com a Paz no Trânsito e a redução do número de vítimas. O Instituto MDT apoia e aplaude o documento

Acidade de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, recebeu nos dias 5 e 6 de março de 2020 a 73ª Reunião do Fórum Paulista de Secretários e Dirigentes Públicos de Mobilidade Urbana. Ao todo, 457 pessoas participaram do evento; estiveram representados 46 municípios, quatro dos quais de fora do Estado de São Paulo.

O presidente do Fórum Paulista, secretário de Mobilidade de Hortolândia/SP e membro do Conselho Fiscal do Instituto MDT, Atílio André Pereira, disse que a cidade anfitriã conseguiu um grande êxito promovendo a reunião do fórum com a maior participação de toda a história. “Tivemos uma representação importante do governo federal e do governo estadual, com definições, troca de experiências e em especial na área de educação”, disse.

Como apoiadora do evento, a Prefeitura de São José dos Campos sugeriu a educação para a mobilidade como um dos temas principais desta edição do fórum, que foi debatido no último dia dos trabalhos daquele encontro.

NOVO COMPROMISSO COM A PAZ NO TRÂNSITO

Atílio André Pereira destacou que no final dos trabalhos, no segundo dia, houve a leitura da Carta de São José dos Campos, documento elaborado pelos municípios paulistas em que foram estabelecidas metas de redução no número de acidentes para a próxima década – 2021/2030 –, além de compromissos como a priorização da educação para a melhoria da segurança no trânsito, e pleitos para os governos estadual e federal. A Carta de São José dos Campos foi inspirada na Carta de Estocolmo, instituída pela ONU na Terceira Reunião Global de Segurança Viária, realizada na capital da Suécia em fevereiro deste ano. Leia a íntegra do documento do Fórum Paulista por meio de link ao final desta matéria.

TEMAS

Durante o encontro foram debatidos temas como o serviço de transporte público e privado por aplicativos, as ações em parcerias com os órgãos dos governos estadual e federal, a revisão do Código de Trânsito Brasileiro, a evolução da fiscalização eletrônica e a relação do Estado com os municípios nas rodovias estaduais.

Entre os assuntos abordados em educação no Fórum, houve, por exemplo, reflexões sobre conceitos e fundamentos que embasam um Plano Diretor de Educação para a Mobilidade, a importância da transversalização da educação para o trânsito na educação básica, Campanhas Educativas – para além de folders e blitzen educativas e sobre perspectivas de formação de condutores e o impacto na gestão do trânsito nas cidades.

Houve ainda um workshop sobre a importância da realização da educação para o trânsito na educação básica para a mudança da cultura de prevenção e percepção de risco. E uma palestra a cargo do Observatório Nacional de Segurança Viária, sobre todas as ações educativas do órgão e que estão disponíveis aos municípios.

Voltar